Skip Ribbon Commands
Skip to main content

Notícias

Lisboa

Jones Lang LaSalle integra ranking da Exame pelo 3º ano consecutivo

Consultora é a 29ª, entre 100,  Melhor Empresa para Trabalhar em Portugal


A Jones Lang LaSalle Portugal integra, pelo terceiro ano consecutivo, o ranking da revista EXAME «As Melhores Empresas para Trabalhar em Portugal», classificando-se como a 29ª Melhor entre 100 empresas. Pela primeira vez desde o seu início, este ranking, agora realizado em parceria com a Accenture, premeia 100 empresas de diferente natureza acionista, forma jurídica, dimensão e sector de actividade, relativamente ao nível de satisfação dos seus colaboradores.

Manuel Puig, Director Geral da Jones Lang LaSalle Portugal, sublinha: “Apesar das dificuldades sentidas no mercado imobiliário, no ano agora terminado reforçamos a nossa equipa em cerca de 24%, contando hoje com mais de 50 colaboradores em Portugal, ou seja mais 20 do que há dois anos. Para nós, os recursos humanos estão entre os activos mais importantes da empresa e são determinantes para enfrentar todos os desafios que se nos colocam diariamente. O nosso objectivo é atingir a excelência na qualidade do serviço, ter as pessoas motivadas e formadas para aplicarmos as melhores práticas do mercado.”.

E acrescenta: “A nível global, somos a única empresa do sector imobiliário que está no ranking Etisphere, que engloba as empresas mais éticas do mundo, e de facto, para nós, a ética é um valor basilar, que vem antes do lucro. Motivar os nossos colaboradores para uma performance eficiente e bem sucedida, mas que, acima de tudo, seja pautada pela ética e pela responsabilidade na relação com os colegas e clientes, e ainda reunir um grau de satisfação bastante acima da média é um facto que muito nos orgulha. A integração pelo terceiro ano neste ranking, que demonstra o grau de compromisso e satisfação dos colaboradores, é um reconhecimento do trabalho que a Jones Lang LaSalle desenvolve quotidianamente e do empenho e orgulho que a nossa equipa tem da empresa onde trabalha”.

Denominado «As Melhores Empresas Para Trabalhar em Portugal», o estudo da revista Exame é desenvolvido, a partir desta edição, em parceria com a consultora Accenture, analisando as políticas de recursos humanos das empresas a operar em Portugal e o grau de satisfação e envolvimento dos seus colaboradores. Na edição de 2011, o estudo distingue, pela primeira vez, uma centena de empresas de diferente natureza acionista, forma jurídica, dimensão e sector de actividade, a operar em Portugal (na edição anterior, o ranking dividia-se entre Grandes, Médias e Pequenas e Microempresas, tendo em conta o número de colaboradores e o volume de facturação, num total de 85 empresas). Uma vez mais, o requisito mínimo é um grau de satisfação dos colaboradores de 60%.

A Jones Lang LaSalle Portugal classificou-se na 29ª posição do ranking, com um nível médio de satisfação dos seus colaboradores na ordem dos 75,82%. A consultora integra actualmente 52 colaboradores em Portugal com uma média de idades de 37 anos, dos quais cerca de 93% tem formação a nível do ensino superior e 65% são mulheres. Nota ainda para o facto de cerca de 55% dos cargos de direcção serem ocupados por mulheres.

A empresa aplica o Individual Performance Management Program (IPMP), uma ferramenta que permite traçar objectivos individuais e medir a performance de cada colaborador, permitindo que cada um possa progredir no rumo certo; o Staff Survey, no âmbito do qual os quadros da empresa avaliam os seus superiores; e o Client Survey, uma ferramenta através da qual os clientes poderão avaliar o desempenho da empresa; o permite obter uma avaliação 360º graus.

Sobre a Jones Lang LaSalle, a Exame refere: “É uma das empresas mais éticas e admiradas do mundo. Em Portugal, supera as expectativas dos funcionários que nela trabalham com orgulho”.

- ends -