Skip Ribbon Commands
Skip to main content

Notícias

Lisboa

Jones Lang LaSalle divulgou o seu último Office Flashpoint

Mercado de escritórios de Lisboa no mês de Fevereiro de 2011


Em Fevereiro, o mercado de escritórios de Lisboa evidenciou uma recuperação de 13,5% face ao período homólogo, depois da queda registada no primeiro mês do ano. Assim, a ocupação de escritórios em Fevereiro totalizou os 6.074 m² de ABL, uma absorção superior em cerca de 65% aos 3.684 m² tomados em Janeiro. O total do ano eleva-se, assim, para os 9.758 m²  de ABL.

Uma vez mais, a zona do Parque das Nações (zona 5) exibiu o melhor nível de actividade de entre todas as zonas analisadas, com uma absorção na ordem dos 1.842 m² e sendo palco da maior operação de arrendamento registada no período, nomeadamente a ocupação de 1.133 m² pela Intrum Justitia no Edificio Espace. A zona 1 (Prime CBD) foi a segunda mais dinâmica, com um take up de 1.452 m² tendo as restantes zonas registado um total de área arrendada inferior a 1.000 m² e, em alguns casos, observando mesmo inexistência de actividade.

Em termos de áreas de actividade, as empresas de Serviços Financeiros foram as mais activas, com uma ocupação de 2.066 m², seguindo-se as TMT’s e Utilities, com arrendamentos na ordem dos 1.449 m². As empresas classificadas na categoria de “Outro Serviços” ocuparam cerca de 1.049 m² em Fevereiro. Todas as restantes áreas de actividade consideradas para análise registaram níveis de actividade inferiores a 500 m².