Skip Ribbon Commands
Skip to main content

Notícias

Lisboa

Office Flashpoint Abril 2012

Comportamento do mercado de escritórios de Lisboa


O mês de abril confirmou o percurso de crescimento do mercado iniciado no mês anterior, que inverteu a tendência de retração do mercado de escritórios de Lisboa sentida nos dois meses anteriores. Assim, em abril, foram arrendados 7.988 m² de escritórios em Lisboa, mais 21,25% do que no mês anterior (6.587 m²) e também 20,42% mais do que em igual mês do ano passado.
 
Com a performance do mês de abril, o acumulado do ano 2012 é agora de 21.195 m² de absorção. A Jones Lang LaSalle continua a evidenciar bastante dinamismo neste segmento, garantindo a colocação de 4.710 m² do volume total de escritórios arrendados em Lisboa desde início do ano (e até final de abril), o que representa uma quota de mercado de 22%.
 
A maior operação ocorrida no mercado em abril totalizou os 3.200 m², resultando na instalação de serviços do BES no edifício Gago Coutinho 26, localizado na zona 7. Assim, esta zona, foi a mais dinâmica no mês, com 40,06% da atividade de arrendamento registada, seguindo-se a zona 6, com 19,44% (1.553 m²), e a zona 3, com 15,2% (1.214 m²).
 
No que concerne a procura, as empresas classificadas como “Serviços Empresas” foram as mais ativas, ocupando 4.521 m², isto é, sendo responsáveis por 56,59% da atividade registada em abril. Os dados Jones Lang LaSalle/LPI dão ainda conta que a área “Outros Serviços” foi a segunda mais dinâmica, como 1.952 m² tomados, equivalentes a 24,44% do total transacionado no mercado.
 
Nota de destaque ainda para o tipo de operação realizada, com 22% do total da área arrendada – cerca de 1.752 m² - a resultar de expansão de instalações, o que denota algum reforço da confiança por parte do tecido empresarial.