Skip Ribbon Commands
Skip to main content

Notícias

Lisboa

Jones Lang LaSalle seleccionada para a comercialização co-exclusiva das Natura Towers


A Jones Lang LaSalle foi mandatada, em regime de co-exclusividade com outra consultora, para a comercialização das Natura Towers, um empreendimento de escritórios pioneiro e inovador em termos de sustentabilidade e eficiência energética. Promovido pela MSF TUR.IM, sub-holding do Grupo MSF para o Turismo e Imobiliário, o complexo, localizado na zona de Telheiras, em Lisboa, terá duas torres de escritórios, estando disponível para arrendamento apenas a Torre Sul. A outra torre que compõe o empreendimento será integralmente ocupada pelo Grupo MSF, que nela instalará a sua sede institucional, albergando todas as suas empresas participadas, num total de aproximadamente 250 colaboradores.

Mariana Seabra, Directora do Departamento de Office Agency da Jones Lang LaSalle, sublinha: “As Natura Towers serão, sem dúvida, um projecto emblemático no mercado português, inovando na relação entre a tecnologia, a funcionalidade, o conforto, a estética, as preocupações ambientais e a poupança de custos. Creio que cada vez mais iremos assistir ao interesse de potenciais inquilinos, que reconhecem as vantagens de se instalarem num empreendimento com estas características e que, por si só, será um factor diferenciador e de prestígio das próprias empresas”.

As consultoras serão responsáveis pela comercialização da oferta de 3.864 m² de área bruta locável de escritórios distribuídos por 7 pisos da Torre Sul do empreendimento, que apresenta uma elevada flexibilidade, com pisos que podem ser divididos até 4 fracções. A componente de escritórios que está disponível para arrendamento é servida por estacionamento com capacidade para 114 viaturas.
Além da Torre Sul, o empreendimento integra a Torre que acolherá os escritórios do Grupo MSF, bem como uma componente comercial com cerca de 842 m² distribuídos por 6 unidades, servidos por 35 lugares de estacionamento. As áreas comuns do complexo distribuem-se por 3 praças, com patamares intermédios, incluindo revestimentos vegetais e elementos de água.

Localizado na zona de Telheiras, na convergência do Eixo Norte-Sul com a Av. Padre Cruz, as Natura Towers estão já em construção, esperando-se que estejam concluídas no final do ano, no que representa um investimento de aproximadamente 30 milhões de euros.

Com ganhos de poupança energética anual na ordem dos 69% para o aquecimento, 41% para o arrefecimento, de 20% para a iluminação e de 100% para o aquecimento das águas, o empreendimento é pioneiro na conjugação da tecnologia, design e sustentabilidade. O complexo tem a assinatura do gabinete da GJP Arquitectos, procurando o equilíbrio formal e funcional entre três aspectos: a utilização de materiais de cariz tecnológico e contemporâneo na construção, a flexibilidade no funcionamento e uso por parte de quem o habita e a minimização da pegada ecológica, através da introdução de elementos naturais em todos os espaços.

Entre as suas principais características, destaca-se o facto de o edifício estar preparado para se comportar como uma planta, recolhendo a água da chuva na cobertura e armazenando-a para posterior utilização. Além disso, utiliza a luz solar transformando-a em energia, e produz oxigénio através de grandes superfícies verdes.