Skip Ribbon Commands
Skip to main content

Notícias

Lisboa

The Lumiares nasce no coração do típico Bairro Alto


​O The Lumiares Luxury Hotel Apartments, classificado como um hotel-apartamento de 5*, está a nascer no típico Bairro Alto, bem no coração da zona histórica de Lisboa. Este luxuoso projeto habitacional com vocação turística diferenciador promete representar o que Lisboa tem de melhor em termos de design, património, cultura e caráter.

O projeto, que é promovido pela Morningbridge Lda em representação do proprietário Quick & Positive – Investimentos Imobiliários Lda, inicia hoje oficialmente o processo de comercialização, liderado pela consultora JLL e assessorado pela Bridgehead Capital Ltd. Estrategicamente estruturado para um público-alvo internacional, o The Lumiares tem como principais destinos para a comercialização os mercados brasileiro, asiático, escandinavo, francês e sul-africano, garantindo um retorno de 4% aos compradores nos primeiros três anos, com um uso pessoal de até 6 semanas por ano. Oferece ainda um serviço de gestão profissional do hotel e boas perspetivas de valorização do investimento efetuado no cada vez mais dinâmico mercado imobiliário de Lisboa.

Peter Lowe, sócio gerente da empresa promotora Morningbridge Lda comenta: “Estou muito entusiasmado por poder revitalizar este edifício de referência na cidade de Lisboa. Tem sido desenvolvido um enorme esforço por parte da nossa equipa para garantir que é feita justiça a este palácio histórico, assegurando que ao longo do processo de conceção do projeto de arquitetura e design mantemos todo o charme do edifício, ao mesmo tempo que o adaptamos ao século XXI, posicionando-o para clientes internacionais com elevado nível de exigência”.

O The Lumiares nasce no histórico Palácio dos Condes de Lumiares, construído no século XVI e que será agora reabilitado, mantendo a fachada original. Concebido com a classificação de um hotel-apartamento de 5*, oferece 53 unidades residenciais de luxo e níveis de serviço de um hotel desta categoria aos seus proprietários e hóspedes que pretendam usufruir de um espaço personalizado no coração de Lisboa. O The Lumiares integra um conjunto de comodidades caraterísticas de uma unidade hoteleira de 5*, incluindo Receção, Ginásio, Spa, um bar cosmopolita no topo de edifício – o Alto Bar – com vista panorâmica sobre Lisboa e o rio Tejo, dois espaços comerciais para marcas de luxo, além de estacionamento e arrecadações privadas para os proprietários no subsolo.

O projeto disponibiliza, maioritariamente, apartamentos de tipologias T1 e T2 com preços muito competitivos face ao mercado local, os quais variam entre 260 mil euros e 1,1 milhão de euros param os apartamentos penthouse.

Patrícia Barão, Head of Residential da JLL, comenta: “O The Lumiares posiciona-se como uma das melhores oportunidades de investimento quer para compradores que pretendem obter autorização de residência para atividade de investimento (Golden Visa), quer para os mercados que estão a investir motivados pelas vantagens proporcionadas pelo Regime de Residente Não Habitual. Este magnífico hotel-apartamento, que resultará da revitalização de um antigo palácio histórico no Bairro Alto, irá beneficiar de todos os serviços e comodidades de um hotel de 5*, ao mesmo tempo que garante aos proprietários dos apartamentos a segurança proporcionada por uma gestão profissional e uma boa rentabilidade através do arrendamento nos períodos em que estes estão ausentes”.

“Na perspetiva de quem visita a cidade, o The Lumiares é uma opção que permite ter um alojamento central, com qualidade de cinco estrelas e que ao mesmo tempo tem o charme e o conforto de uma casa, proporcionando não apenas uma mera estadia mas uma experiência personalizada”, acrescenta Patrícia Barão.

A compra de uma unidade residencial no The Lumiares prevê que o proprietário que adira ao programa de arrendamento disponibilize o seu imóvel para colocação no mercado de arrendamento turístico durante parte do ano, sendo todo o processo gerido por uma estrutura de gestão profissional que garante a otimização do investimento realizado. 

Com resultados muito animadores nos primeiros meses do ano, é de prever que as vendas se intensifiquem após a apresentação de hoje em Lisboa e o lançamento em outros mercados-alvo deste produto imobiliário, incluindo na China e Hong Kong em abril passado, a participação em feiras de imobiliário na Escandinávia no decorrer da primavera e o lançamento que será realizado nos mercados do Brasil e África do Sul, em junho.