Skip Ribbon Commands
Skip to main content

Notícias

Lisboa

JLL vende edifício do Fundo de Pensões da EDP na Avenida José Malhoa a fundo imobiliário português

Consultora mantém-se como uma das entidades mais ativas na assessoria de negócios de investimento


​A JLL, em colaboração com a EDP Imobiliária, acaba de concluir um novo negócio de investimento imobiliário, tendo sido responsável pela venda de um imóvel detido pelo Fundo de Pensões da EDP em Lisboa. Trata-se do edifício localizado no nº 25 da Avenida José Malhoa, agora adquirido por um fundo de investimento imobiliário de origem portuguesa.

A consultora, que atuou nesta operação em representação do proprietário, mantém-se como uma das mais dinâmicas no mercado de investimento português, no qual foi responsável em 2014 pela negociação e conclusão de operações no valor de mais de 345 milhões de euros. Um dos maiores negócios realizados no ano passado pela consultora foi precisamente a transação dos edifícios da EDP situados no Marquês de Pombal, na qual representou o comprador, um fundo institucional americano.

Para Fernando Ferreira, Diretor de Capital Markets da JLL, é de sublinhar “o facto de a operação ter sido realizada entre duas entidades nacionais, provando que, mesmo num cenário em que os players internacionais têm sido dominantes, os investidores portugueses estão também dinâmicos e com maior capacidade para competir. Esperamos este ano assistir a uma maior atividade por parte dos investidores portugueses, especialmente dos fundos de investimento imobiliário, cujo novo regime fiscal, mais vantajoso, entra em vigor em julho”.

No âmbito da transação, realizada no regime de sale&leaseback, a EDP continua agora a ser inquilina do imóvel, mantendo-se como a única ocupante do mesmo. O edifício totaliza 9.883 m² de área bruta de construção acima do solo, dos quais 1.333 m² são respeitantes a um espaço de restauração no piso térreo, sendo a restante área distribuída por escritórios localizados entre o primeiro e o oitavo piso. O imóvel dispõe ainda de dois pisos em cave com capacidade para o estacionamento de 48 viaturas.

O edifício José Malhoa 25 localiza-se na avenida José Malhoa, junto à Praça de Espanha, numa das zonas de escritórios de Lisboa com maior peso corporativo e que acolhe diversas sedes e representações de Bancos e de multinacionais. Esta área é servida por uma excelente rede de transportes e beneficia de boas acessibilidades viárias, assim como da proximidade de serviços diversificados e oferta hoteleira de prestígio.