Skip Ribbon Commands
Skip to main content

Notícias

Lisboa

JLL assessora a venda de duas residências universitárias em Barcelona à The Student Hotel


  • ​Melon District Marina e Melon District Poble-sec totalizam 600 quartos com uma área total construída acima do solo de 16.700 m², além de 3.140 m² de retalho e 150 lugares de estacionamento.
  • Este negócio é o primeiro em Barcelona referente à venda de residências para estudantes como classe de imóveis de rendimento

O BBVA vendeu duas residências universitárias em Barcelona ao The Student Hotel (TSH), empresa que já detém ativos semelhantes na Holanda. A consultora imobiliária JLL assessorou o vendedor nesta transação.

Ambos os ativos, Melon District Marina e Melon District Poble-sec, estão arrendados com contratos de longo-prazo ao operador com o mesmo nome (Melon District). Ambas as residências beneficiam de localizações estratégicas e têm boas ligações aos principais Campus universitários da cidade.

O ativo da Marina localiza-se na Calle Sancho de Ávila, no bairro 22 da cidade, uma nova zona de negócios resultante de uma intervenção bem-estruturada de regeneração e na qual se podem encontrar empresas de comunicação e tecnologia, universidades, bem como centros comerciais, hotéis e centros de exposição. Mais pequeno, o projeto Poble-sec localiza-se na Avenida Parallel, no bairro de Sants-Montjuic, uma zona maioritariamente habitacional com boas acessibilidades para a Zona Universitária, e com relevância na área do teatro, além de ter bastantes restaurantes.

No total, os dois imóveis incluem 600 quartos com uma área total construída acima do solo de 16.700 ² e 3.140 m² de espaços de retalho, além de 150 lugares de estacionamento.

“O processo de venda gerou muito interesse tanto a nível nacional como internacional, um sinal de que o mercado imobiliário espanhol é atualmente um dos preferidos para investimento” explica Jordi Toboso, Managing Director da JLL na Catalunha. O mesmo responsável nota ainda que o negócio “demonstra o crescente interesse entre os investidores por investimentos alternativos como é o caso das residências universitárias em Espanha, e em particular, em Barcelona.”

“Existe atualmente uma elevada abundância de capital com apetite para o investimento imobiliário em Espanha, o que tem gerado também interesse em negócios com ativos atípicos, algo que há dois anos não se verificava. Esta é a primeira transação deste género em Barcelona, ou seja, envolvendo a venda de duas residências universitárias como ativos de investimento imobiliário, sendo provável que assistamos a bastantes mais operações deste tipo num futuro próximo”, diz Nick Wride, Associate Director de Capital Markets da JLL.