Artigo

Deixem passar o rei

20 anos depois do terramoto, foi inaugurada a estátua do rei D.

Abril 01, 2019
Deixem passar o rei

20 anos depois do terramoto, foi inaugurada a estátua do rei D. José I, estávamos em 1775 e ainda governava o marquês.

Da autoria do escultor Machado de Castro, era a primeira estátua equestre do país e o primeiro monumento público de Portugal. A fundição em cobre, com técnicas militares, realizou-se na Fundição de Cima, no Campo de Santa Clara (feira da ladra), em 1774.

Depois de retocada a bronze, a dificuldade era agora colocá-la no centro da Praça do Comércio (ainda em construção).

Levada pela “Zorra” - um monumental carro de madeira puxado por 1000 homens - partiu do largo de Santa Clara, passou pela Rua do Patrocínio, desceu a Calçada Nova (hoje, Rua do Museu da Artilheria) – rasgada propositadamente para o efeito – seguiu pela Rua da Alfândega e chegou finalmente ao destino, a 25 de Maio de 1775. Aos 3 longos dias de transporte seguiram-se 3 longos dias de festa, depois de inaugurada a 6 de Junho. Pombal descerrou-a e o povo adorou.

Do chão à ponta do penacho são 14 metros.

A “Zorra”, essa, descansa merecidamente no Museu Militar de Lisboa.