Artigo

O residencial é imune à pandemia?

O imobiliário tem sido um dos setores que melhor está a resistir ao impacto da pandemia e, entre os vários segmentos, a grande “estrela” é a habitação

Setembro 17, 2020

Num primeiro momento, com a notícia da pandemia e o confinamento das pessoas, das empresas e da economia, muitos pensaram que os preços da habitação iriam cair a pique. “Não seria de estranhar”, dizia-se, considerando o percurso de forte crescimento que os preços acumularam nos últimos anos. Mas isso não aconteceu. 

Até à data, os preços têm-se mantido estáveis e consolidam os níveis pré-Covid, o que é a prova irrefutável da resiliência deste setor. O imobiliário tem sido um dos setores que melhor está a resistir ao impacto da pandemia e, entre os vários segmentos, a grande “estrela” é a habitação. E há várias razões para que assim seja.

(1) Desde logo, pelas caraterísticas que distinguem um imóvel residencial de outros tipos de imóveis. São imóveis muito versáteis, que permitem vários usos. A casa é, na maior parte das vezes, utilizada para primeira habitação, mas também pode ser um escritório, uma casa de férias, um alojamento turístico ou uma residência partilhada por estudantes, por exemplo. A sua capacidade de adaptação às diferentes necessidades ao longo do tempo não se compara a nenhum outro tipo de imóvel.

O nosso país é seguro e tem caraterísticas únicas que continuarão a atrair investidores de todo o mundo.

Patrícia Barão, Head of Residential, JLL

(2) Por outro lado, a necessidade de uma casa vai sempre existir, independentemente da conjuntura. E a atual conjuntura, apesar da incerteza, sucede a um período de elevada procura por produto imobiliário residencial. No pré-Covid, o grande problema do mercado residencial residia em ter capacidade de oferta para a procura existente. Esta procura não evaporou. À medida que formos avançando e que o grau de incerteza económica for reduzindo, esta procura vai reativar-se cada vez mais.

(3) Ao mesmo tempo, não há uma paralisação do lado da oferta. A maioria dos projetos em construção não parou e já se nota uma retoma no lançamento de novos projetos. A promoção imobiliária que está ativa no mercado residencial atravessa, em geral, uma fase positiva em termos de liquidez, com capacidade para absorver um abrandamento na cadência das vendas. Isso, associado à maior confiança na reativação da procura, permite resistir a uma correção em baixa do preço.

Subscreva-se

Quer manter-se atualizado? Não perca as nossas novidades

Receba as últimas notícias, análises e oportunidades imobiliárias de todo o mundo, diretamente no seu email.

(4) Há também a componente do residencial como ativo de investimento. Nesse contexto, este é um setor que continua a dar melhores retornos que os produtos financeiros de risco baixo a moderado.

(5) Além disso, as taxas de juro nos empréstimos/depósitos permanecem baixas e atrativas para alocar investimento em imobiliário.

E por último, (6) um aspeto crucial que é a “nova” perceção sobre Portugal no estrangeiro. Os preços dos imóveis continuam a ser bastante competitivos no panorama global, a qualidade da nossa habitação é excelente, as cidades deram um salto invejável de requalificação, temos ótimo clima, qualidade de vida, segurança e boas infraestruturas de saúde e educação. Acrescem ainda os dois programas de incentivo à captação de investimento, nomeadamente os regimes de Residente Não Habitual e do Visto Gold.  Tudo isto também não desapareceu. O nosso país é seguro e tem caraterísticas únicas que continuarão a atrair investidores de todo o mundo.

Por tudo isto, para já, é seguro dizermos que a habitação se tem mostrado praticamente imune à crise da Covid-19. E que tem capacidade para continuar a resistir a este embate. Aliás, se há esperança em setores da economia, este é um daqueles em que vale a pena investir!

*Artigo escrito para a Visão Imobiliário

Contact Patrícia Barão

Head of Residential Portugal, JLL

Qual é o foco do seu investimento?

Aceda a oportunidades e fontes de financiamento em todo o mundo e descubra como podemos ajudá-lo a alcançar as suas ambições.